sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Qualidade do Ar, Exposição e Saúde Humana em Zonas Urbanas Industrializadas

A equipa responsável pelo Projeto Inspirar procura voluntários, entre os professores da Escola Secundária de Estarreja, para que colaborem no estudo sobre o impacto que a qualidade do tem na nossa vida.
Cada um deles terá numa avaliação que dura vinte minutos fazer o seguinte:

- Assinar uma declaração denominada consentimento informado;
- Preencher dois questionários, um sobre a sua situação médica e outro sobre rotinas diárias para determinar exposição;
- Realizar de um exame que avalia a função respiratória (espirometria), antes e depois da administração de um fármaco broncodilatador, tratando-se de um procedimento habitual neste tipo de exame que não apresenta qualquer risco.
- Posteriormente à avaliação médica ser-lhe-á entregue um relatório do exame efetuado.


O grande desenvolvimento industrial, aliado ao aumento demográfico e à concentração das populações em áreas urbanas tem vindo a acentuar a preocupação sobre os potenciais efeitos e impactes no ambiente e na saúde humana resultantes da emissão de poluentes atmosféricos. Apesar da preocupação com a qualidade do ar em zonas urbanas e industriais ter assumido, nos últimos anos, particular relevo no âmbito das medidas de controlo e redução das emissões, ainda não é possível caracterizar devidamente a cadeia de eventos emissões à qualidade do ar à exposição à dose à efeitos na saúde, para fontes emissoras específicas.
Diversos estudos científicos têm evidenciado as consequências da presença de determinados poluentes em concentrações elevadas na qualidade do ar, na exposição e na saúde humana. No entanto, a contribuição (considerando a variação temporal e espacial) da actividade industrial não tem sido devidamente contabilizada, comparativamente a outras fontes (p. ex. tráfego rodoviário). Como tal, as áreas urbanas industrializadas representam desafios acrescidos, pelo tipo de poluentes envolvidos (em especial os de origem industrial) e pela falta de informação sobre a exposição de curto e longo prazo e sua relação com a saúde da população. Acrescem ainda os riscos associados a situações de libertação acidental de poluentes, resultando numa exposição aguda a concentrações elevadas com potenciais impactes na saúde humana.

Para mais informações e inscrição poderão contactar-nos: bibliotecaes3@gmail.com





Sem comentários:

Enviar um comentário